fev 9, 2011
admin

A Manutenção Industrial e Qualidade Total

A manutenção e a qualidade total estão diretamente relacionadas, técnicas avançadas de manutenção tiveram origem em meio à revolução da qualidade total.

Qualidade

A manutenção está diretamente relacionada à qualidade industrial. Os custos da qualidade que abordaremos, estão em diversos aspectos relacionados direta ou indiretamente à manutenção industrial. Falhas internas e externas reportados pelos sistemas de custos da qualidade podem ter origem na carência de uma melhor efetividade na manutenção industrial. Deve-se levar em conta a definição do que constitui a qualidade.

Há três interpretações do assunto: grau de conformidade, adequação ao uso e excelência inata. Sob o ponto de vista do grau de conformidade, a qualidade é alcançada quando um produto se conforma com suas especificações. Essa definição, contudo, deixa algumas áreas intocadas.

Com relação à adequação ao uso, tal fator é mais orientado para o consumidor, já que requer que o produto atenda à expectativa do cliente. Quando a qualidade está ligada à expectativa do cliente, é importante avaliar até que ponto a empresa pode satisfazer o consumidor.

Por fim, no caso da excelência inata, esta diz respeito à afirmação de que a qualidade é característica inata da superioridade essencial de um produto ou serviço. Nessa definição, um produto de alta qualidade deve ter uma tendência à não sofrer alterações à medida que o tempo passa, não importando mudanças de estilos ou de gostos.

Contrariamente ao segundo fator exposto, essa visão é absoluta e universal. Evolução da qualidade A partir de 1961 ganha força um conceito baseado na definição exata daquilo que os clientes desejavam. Tal conceito foi chamado de “Zero Defeitos”.

O objetivo dessa abordagem era auxiliar a todos para que no desempenho de suas tarefas, fizessem-no corretamente logo na primeira vez.

KAPLAN & ATKINSON (1989) destacam que enquanto em meados da década de 40 até a década de 70, as empresas americanas enfatizavam seus sistemas de qualidades tradicionais, que priorizavam altos volumes; diversas empresas japonesas inovadoras e algumas empresas do oeste europeu, especialmente Alemanha, Suíça e Suécia, adotavam a filosofia do TQC na qual era apenas aceitável o nível de zero defeitos.

Contudo, apesar do objetivo de zero defeitos nunca ser atingido, ele propiciaria uma meta onde a empresa nunca estaria satisfeita, a menos que fosse reduzida substancialmente à incidência de defeitos, ano após ano.

Identificam-se na Administração Financeira três processos administrativos básicos, os quais propõe que sejam aplicados na administração para a qualidade, são eles: planejamento; controle; e aperfeiçoamento.

O planejamento, controle e aperfeiçoamento da manutenção industrial são elementos essenciais à administração pela qualidade total nas empresas. O controle da manutenção industrial pode em muito ser enriquecido através da participação da controladoria, que é a área mais adequada para a coordenação desse processo administrativo.

Também é importante que os controles sobre os diversos dados da manutenção industrial sejam obtidos através de um sistema integrado ao sistema de informações da empresa, o que além de assegurar a integração dos dados da manutenção ao sistema gerencial da empresa e propiciar à área contábil maior controle, poderá garantir ao sistema a prevenção de eventuais manipulações ou omissões decorrentes de estarem os mesmos aos cuidados exclusivos dos responsáveis diretos pela manutenção industrial.

Ao analisar as referências sobre custos relativos à manutenção industrial, observa-se a ocorrência de uma série de informações relevantes, todavia, falta a necessária integração ao sistema de informação da empresa.

Desta forma, estar-se-á formulando uma proposta que, entre outras coisas, buscará a harmonização das informações relativas aos custos associados à manutenção com o sistema de informações gerenciais oficial da empresa. Logicamente alguns dados serão específicos da área de manutenção, todavia, as informações que tiverem contrapartida no sistema oficial da empresa, sejam elas de forma analítica ou sintética, deverão estar integradas com o sistema de controle da manutenção.

Fonte:      www.pt.shvoong.com

A COPPI tem forte atuação no setor de manutenção industrial, oferecendo serviços de recuperação de instrumentos.

13 minutos ago

Contato

Entre em contato conosco, teremos imenso prazer em atendê-lo!

Rua P. Camargo Lacerda, 157
CEP: 13070-277 | Campinas / São Paulo

coppi@coppi.com.br

Fone / WhatsApp:
(19) 3241-1400